Bahia joga mal
Futebol, Futebol Nacional

Com dois gols anulados do Cuiabá, Bahia joga mal e só empata na Fonte Nova

Mais uma vez no Brasileirão, Bahia joga mal e empata em casa. Tricolor segue com situação muito difícil no brasileirão.


Antecipadamente, no último domingo (21) o Bahia recebeu o Cuiabá pela 32º rodada do Campeonato Brasileiro. A saber, as duas equipes necessitavam do triunfo. Por joga em casa e diante da sua torcida, o tricolor tinha a vantagem e precisava vencer para tentar sair da zona de rebaixamentos. Contudo, os adversários mato-grossenses queria seguir na briga da sul-americana

Dessa forma, embora o esquadrão tivesse um leve favoritismo, foram os visitantes que abriram o placar duas vezes, entretanto, os gols foram duvidosamente anulados pelo Juiz e o VAR. E assim, a partida terminou em 0 x 0.

Primeiro tempo irreconhecível do Bahia e Cuiabá tem dois gols anulados : Bahia joga mal

Primeiramente, a equipe comandada por Guto Ferreira chegou para o confronto na 17ª colocação com 36 pontos. Assim, com duas derrotas seguidas para Flamengo e Sport não teria outra alternativa a não ser, partir para o ataque. Desse modo, a equipe entrou em campo com a sua formação habitual desde que Guto assumiu. A unica alteração, foi a entrada de Rodallega na vaga de Gilberto, que por ter recebido amarelo em Pernambuco, não pôde atuar.

Por outro lado, o time do técnico Jorginho ainda sonha com uma vaga na Sul-americana. Logo, não se acovardou com os mais de 19 mil tricolores na Arena e foi para cima do Bahia. Aproveitando que os mandantes não faziam um belo jogo, abriram o placar. Em uma desatenção da zaga Azul, Vermelha e Branca, aos 20 do primeiro tempo, Felipe Marques recebeu um ótimo passe nas costas de Nino Paraíba, invadiu a área e encontrou Max livre no meio para abrir o placar na Fonte Nova. Felipe, no entanto, para o arbitro de campo e o Var, parecia estar impedido na origem da jogada.

Logo depois, aos 38 minutos João Lucas Cruzou para Jenilson fazer mais um gol para o Dourado. Mas, Raphael Claus viu um empurrão em Nino Paraíba e invalidou o lance. Ainda assim, o tricolor teve apenas três boas chances de inaugurar o marcador. Todavia, o coletivo não fez um bom jogo e saiu de campo duramente vaiado. Obrigando assim, mudanças no intervalo.

Bahia melhora na etapa final, mas fica apenas no empate

Em resumo, na volta ao campo a obsessão à meta era maior. Todavia, a mesma dificuldade para propor jogo que o Bahia apresentava no primeiro tempo, continuou. Aos 18 minutos, Nino Paraíba cruzou e Rodallega tentou de bicicleta, mas Paulão impediu o que seria um golaço. De modo que o Cuiabá não levasse tanto perigo ao gol de Danilo Fernandes, o torcida começava a pedir mudanças.

Do mesmo modo, Guto ouviu e chamou Rossi. De antemão, o camisa 7 foi o mesmo que decidiu contra o São Paulo, na Fonte, entrando no segundo tempo. Sobretudo, o lance mais incisivo dele foi aos 25′, em um chute defendido por Walter. Ainda assim, outra mudança que melhorou o ritmo do esquadrão de aço foi Rodriguinho. Antes de mais nada, o camisa 10 evoluiu o meio campo da equipe mas também, não conseguiu fazer o gol.

Por fim, as duas ultimas chances vieram aos 47 e aos 49. Primeiro, no cruzamento de Rossi, Rodallega cabeceou no travessão. Depois, Rodriguinho de fora da área chutou sobre o gol. Sendo assim, Bahia e Cuiabá conquistaram nada mais nada menos que um ponto. A Próxima “final” tricolor, será na sexta-feira (26) às 19h, contra o Grêmio, na Arena Fonte Nova.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments