Pitso Mosimane. Foto: Ibraheem Al Omari/Reuters
Futebol, Futebol Internacional

Pitso Mosimane: técnico do Al Ahly, adversário do Palmeiras, é um dos melhores técnicos do mundo nas últimas temporadas

Daniel Dutra
Siga-me

Ex-jogador da África do Sul, Pitso Mosimane é um dos destaques do Al Ahly. O técnico de 57 anos reencontrará o Palmeiras, adversário que venceu no último Mundial de Clubes. 


O Al Ahly estreou no último sábado (05) pela atual edição do Mundial de Clubes. Totalmente desfalcado por causa da Copa das Nações Africanas (7 titulares), o time egípcio entrou como mero coadjuvante na competição. Logo na estreia, a equipe enfrentou o rico e estruturado Monterrey do México. Contudo, diferente do que todos imaginavam, o Al Ahly não sentiu falta de seus destaques.

Desde o começo do jogo, a equipe dominou a partida. Muito aplicada taticamente, foi questão de tempo para abrir o placar. O único gol do jogo, saiu no início do segundo tempo. O suficiente para se classificar para a semifinal do mundial. Agora, a equipe enfrenta o Palmeiras, representante brasileiro na competição.

Entretanto, uma declaração chamou a atenção. O técnico do al Ahly, Pitso Mosimane, indagou sobre os privilégios de algumas equipes, como o próximo adversário:

“Quantas vezes os africanos têm de provar? Qual o critério? Por que o Palmeiras joga a semifinal? Ano passado nós vencemos (o Palmeiras). Qual a diferença? Não é o momento dos africanos jogarem a semifinal?”, reclamou Pitso.

Quem é Pitso Mosimane?

Pitso. © FilGoal Al Ahly - Monterrey - Mosimane
Pitso. © FilGoal Al Ahly – Monterrey – Mosimane

Desde 2020 no comando do Al Ahly, Pitso Mosimane é um técnico de 57 anos. Ex-jogador da África do Sul, ele é um dos treinadores mais antigos e vitoriosos na história do futebol sul-africano, tendo conquistado vários títulos importantes com o SuperSport United entre 2001 e 2007 e o Mamelodi Sundowns entre 2012 e 2020.

Todavia, como vimos, o técnico deixou a África do Sul para um novo desafio: treinar uma equipe do Egito. Entretanto, seus resultados esportivos continuam impressionando. Além de ser o primeiro africano não egípcio a administrar o clube, Mosimane venceu a principal competição da África duas vezes na última temporada. Três meses após assumir o clube, em novembro de 2020, ele conquistou a Liga dos Campeões da África contra o Zamalek, maior rival do clube egípcio. A final foi divulgada como o “clássico do século”.

A partir dessa conquista, o Al Ahly disputou o último mundial de clubes com honras. A equipe terminou em terceiro lugar, vencendo o Palmeiras na disputa de pênaltis. Um ano após a disputa, o treinador volta a enfrentar o Palmeiras após mais um título da Liga dos Campeões da África. Já apresentado ao clube brasileiro, Mosimane elogiou o técnico português Abel Ferreira.

“Adoro o técnico [Abel]. Montou uma equipe muito organizada. Vai ser muito difícil para nós. Que vença o melhor. No ano passado ganhamos. Não sei esse ano. Acho que será um jogo tático. Tudo é possível. Vão tentar nos vencer, mas vamos nos preparar com seriedade. Eles ganharam a Libertadores duas vezes seguidas e são um grande time, mas não temos medo de ninguém. Acreditamos que podemos vencer”, declarou Mosimane.

Duelo com o Palmeiras

Abel Ferreira (á direita), ao lado de seus auxiliares, comemorando o título do Palmeiras (Crédito da Foto: César Greco/Palmeiras)
Abel Ferreira (á direita), ao lado de seus auxiliares, comemorando o título do Palmeiras (Crédito da Foto: César Greco/Palmeiras)

Portanto, o sul-africano que ganhou 3 das últimas 6 edições da Liga dos Campeões da África também não é nenhum estranho para Abel Ferreira. Contudo, o jogo será muito perigoso para o Palmeiras. Isso porque, ainda não se sabe a equipe que enfrentará o alviverde. Com a final da Copa das Nações Africanas nesse domingo, os desfalques do Al Ahly podem voltar para o jogo contra o Palmeiras. Além disso, o duelo tático será muito forte, como destacou Mosimane.

Mesmo propondo grande parte do jogo contra o Monterrey, a estratégia de Mosimane para a partida contra o Palmeiras pode mudar. No último jogo, a equipe se defendeu com uma linha de 5. No meio, quatro jogadores. E da mesma forma que o Palmeiras gosta de jogar com velocidade na saída de bola, o Al Ahly explora os lados do campo com boa construção.

Ou seja, mesmo o Palmeiras sendo favorito para o confronto, do outro lado, há um grande técnico com uma boa equipe. Dessa forma, o jogo está em aberto. Desde o último confronto entre as equipes, muita coisa mudou. Ambas as equipes melhoraram seus elencos.

Portanto, Palmeiras e Al Ahly se enfrentam na próxima terça-feira (08) às 13:30 pelo horário de Brasília no Estádio Al Nahyan.

Daniel Dutra

Jornalista em formação e apaixonado por esportes. Juntei essas duas paixões para produzir conteúdo e valorizar a comunicação criando um portal para levar informação e gerar oportunidades.
Ler todas as publicações de Daniel Dutra
0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments