Ibracadabra.
Futebol, Futebol Internacional

Ibracadabra: a influência das artes marciais no futebol de Ibrahimovic

O esporte pode nos ensinar muitas coisas. Cada modalidade com suas particularidades. Conhecido como “Ibracadabra”, Ibrahimovic usa da experiência no Taekwondo, para se diferenciar no futebol.


Aos 39 anos, Ibrahimovic continua jogando em alto nível no futebol europeu. Para muitas pessoas, o ex-jogador do LA Galaxy encerraria sua carreira após a passagem pelos Estados Unidos. Entretanto, Ibracadabra se desafiou a voltar para o Milan, clube onde é idolatrado pela torcida. Novamente, as pessoas se enganaram. Ao pensarem que a volta do atacante seria por gratidão, Ibrahimovic mostra, em números e desempenho, que não. Ele é o artilheiro da equipe que lidera o campeonato italiano.

No campeonato nacional, são incríveis 7 gols em apenas 4 jogos. Somando com a Euroleague, Ibra ainda possui duas assistências em 9 partidas. Desde que voltou ao clube na temporada passada, o sueco participou de 22 gols em 22 jogos. Desde então, o Milan perdeu apenas 2 partidas de 36 disputadas. Invicto há 24 jogos, o clube precisa agradecer a Ibrahimovic.

A influência das artes marciais no jogo de Ibrahimovic

Ibrahimovic, faixa preta em taekwondo. Foto: Reprodução
Ibrahimovic, faixa preta em taekwondo. Foto: Reprodução

Entre esses gols, o último foi de uma meia bicicleta. Se tratando de Ibrahimovic, algo completamente comum. Pois como sabemos, ele costuma fazer jogadas mais mirabolantes do que uma meia bicicleta. Suas jogadas plásticas onde estica a perna e golpeia a bola com classe é uma marca do atacante. Por mais que seja alto, ele foge dos estereótipos de altura. É rápido, ágil e flexível. Muito disso, por conta do taekwondo, esporte que pratica e é faixa preta desde os 17 anos.

Durante sua passagem anterior pelo Milan, a federação italiana de taekwondo chegou a homenagear o jogador com uma faixa preta personalizada na sede da federação. Comentaristas tanto do futebol, quanto do taekwondo, atribuem essas habilidades plásticas a prática das artes marciais. Em entrevista para o GE, o brasileiro Soneca, que foi professor de Ibra nos EUA confirma a tese.

“O que mais o ajuda é na parte da flexibilidade. Foi algo que ajudou muito também na potência do chute, que ele tem muito chute rodado”. – explicou Soneca ao GE.

“A maneira como amadureceu através de outros esportes que praticava antes do futebol, especialmente as artes marciais, serviram para preparar os seus músculos. Um ponto de vista mental diferente do jogador tradicional.” – José Mourinho, quando o contratou para o Manchester United.

Ibracadabra

Ibracadabra!
Gol de Ibrahimovic de bicicleta de fora da área contra a Inglaterra. Foto: AFP

Em 2015, durante um encontro com o lutador Lyoto Machida, Ibrahimovic revelou que tinha o sonho de se tornar lutador do UFC. Contudo, isso não aconteceu e ele virou jogador de futebol. Sorte a nossa, amantes do futebol bretão.

“Quando era pequeno meu pai queria que fosse advogado, mas não me via muito bem nessa profissão. Me considero um grande lutador do UFC (risos). Perdão, um grande fã do UFC. Me vejo indo muito bem nas artes marciais. – também afirmou o atacante ao site “Bleacher Report”.

Ibrahimovic poderia muito bem fazer o básico em alguns momentos. Mas não seria Ibrahimovic. Todavia, na maioria das vezes, ele precisou ser Ibracadabra. Como no seu gol de número 500 na carreira. Era improvável e a única forma de fazer o gol. Ninguém além dele marcaria. Entretanto, ele fez. Assim como outras dezenas de gols nada naturais para nós. Mas completamente normal para ele.

Matérias Recomendadas:

Daniel Dutra

Jornalista em formação e apaixonado por esportes. Juntei essas duas paixões para produzir conteúdo e valorizar a comunicação criando um portal para levar informação e gerar oportunidades.
Ler todas as publicações de Daniel Dutra
0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments