Luís Henrique
Futebol, Futebol Nacional

Botafogo oferece mais do que o Flamengo e acerta a contratação de Luis Henrique

Botafogo oferece mais do que o Flamengo e mostra mudança de postura no mercado. Luís Henrique pode se tornar a contratação mais cara do alvinegro.


Os últimos dias marcaram uma verdadeira batalha entre dois rivais cariocas nos bastidores. Botafogo e Flamengo disputaram ao longo de três semanas, a contratação do brasileiro Luís Henrique, do Olympique de Marseille. Cria do alvinegro carioca, o jovem atacante foi dado como certo no Flamengo. Todavia, em uma reviravolta, acabou de volta ao seu clube formador em um contrato de empréstimo com obrigação de compra até o fim de 2023.

Sem muito espaço no Olympique de Marseille, Luís Henrique vinha sendo cogitado em outros times europeus como: Nantes, PSV e Torino. Contudo, durante suas férias no Brasil, o jogador visitou o Estádio Nilton Santos, de seu ex-clube. Na ocasião, o Botafogo venceu o São Paulo por 1 a 0.

Contudo, mais do que assistir a partida, o atacante iniciou naquele 16 de junho, sua negociação para voltar ao Botafogo. Desde então, a diretoria alvinegra iniciou as conversas com o clube francês para repatriar o atacante.

Flamengo entra na jogada

Luís Henrique em ação pelo Botafogo contra o Flamengo. Foto: Vítor Silva/Botafogo
Luís Henrique em ação pelo Botafogo contra o Flamengo. Foto: Vítor Silva/Botafogo

Pensando na possibilidade de reforçar a posição que perdeu Bruno Henrique por 12 meses, o Flamengo entrou na briga por um empréstimo de Luís Henrique. Entretanto, diferente do Botafogo, o rubro-negro focou seus contatos nos representantes do jogador. A família, e empresários. No qual, um deles é o pai do atleta.

Sabendo da investida do rival, o Botafogo equiparou os salários oferecidos ao jogador. Contudo, naquela altura, o estafe de Luís Henrique aceitou a proposta do Flamengo. Daí então, surgiu a notícia do final de semana: Flamengo acerta com Luís Henrique.

Entretanto, um detalhe passou despercebido. O ok dos representantes não era a resposta definitiva. O Flamengo precisava negociar com o clube do jogador. Todavia, o rubro-negro não atendia os desejos do Olympique de Marseille, que queria vender Luís Henrique, nem que fosse no final do contrato por empréstimo. Por isso, oferecendo apenas uma opção de compra, o Flamengo foi descartado.

Botafogo oferece mais pelo Luís Henrique

Venda de Luis Henrique rendeu mais de R$ 31 milhões ao Botafogo. Foto: Vitor Silva/Botafogo
Venda de Luis Henrique renderá mais de R$ 31 milhões ao Botafogo — Foto: Vitor Silva/Botafogo

Enquanto tudo isso acontecia, o Botafogo chegava a um acordo com o Olympique de Marseille ao colocar no final do contrato por empréstimo, uma obrigação de compra em caso de classificação para a Libertadores 2023. Contudo, não foi isso que o garantiu no alvinegro.

Também em paralelo, o Nantes, da França, ofereceu 6 milhões de euros para contar com o jogador de forma imediata. Mas o alvinegro conseguiu cobrir a proposta oferecendo 8 milhões de euros. O mesmo valor da venda do atacante em 2020. Entretanto, levando em consideração o aumento do euro, o valor será maior do que na ocasião (R$ 31 milhões contra R$ 44,2 milhões).

Portanto, o Botafogo hoje mostra ao mercado duas situações: em primeiro lugar, não precisa mais vender suas joias de forma desesperada. Em segundo lugar, não economizará para contratar jogadores. Na primeira janela de transferências do ano, bateu o recorde gastando 33 milhões de reais na contratação do Patrick de Paula. Agora, bate novamente o mesmo recorde, gastando 45 milhões na contratação de Luís Henrique.

Daniel Dutra

Jornalista e fundador da PressFut. Também atua no SBT e na Rádio Tupi.
Ler todas as publicações de Daniel Dutra
0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments