André Ramalho vibra com classificação do PSV. Foto: PSV/Divulgação
Futebol, Futebol Internacional

Após título da Supercopa da Holanda, André Ramalho vibra com classificação emocionante do PSV para o playoff da Champions League

Camponeses vão enfrentar o Rangers, da Escócia, por uma vaga na fase de grupos da principal competição de clubes da Europa; André Ramalho vibra com classificação.


Contando com mais uma boa atuação do zagueiro brasileiro André Ramalho, o PSV conseguiu, de forma emocionante, a classificação para o playoff final antes da fase de grupos da Champions League, ao bater, na prorrogação, o Monaco, pelo placar de 3 a 2.

Jogando em casa, os Camponeses saíram na frente com Joey Veerman, mas acabaram sofrendo a virada no segundo tempo, depois dos tentos de Guilermo Maripán e Ben Yedder. Como o jogo de ida havia terminado em 1 a 1, o PSV estava sendo eliminado até os 44 minutos do segundo tempo, quando Érick Gutierrez tratou de balançar as redes e levar o duelo para prorrogação.

Quando tudo levava à crer que a vaga seria decidida nos pênaltis, Luuk de Jong deixou a sua marca para a loucura da torcida presente no estádio Philips, que não parou de comemorar desde a última semana, quando o time conquistou a Supercopa da Holanda, ao bater, novamente o arquirrival Ajax.

André Ramalho vibra com classificação

André Ramalho. Foto: Divulgação/PSV
André Ramalho. Foto: Divulgação/PSV

Após a partida, André Ramalho enalteceu o elenco e vibrou com a classificação.

”Estou muito feliz pela dedicação de todos. Sabíamos que não seria fácil, afinal de contas, o Monaco tem um elenco fortíssimo. Pra dificultar, ainda mais, tomamos a virada, mas a gente manteve a concentração e organização para ir buscar o resultado. Não desistimos em nenhum momento e fomos recompensados. Primeiro, com o gol de empate no fim do tempo normal e, depois, com o da classificação na prorrogação”, ressaltou André Ramalho.

Agora, o PSV vai enfrentar o Rangers, da Escócia, que eliminou o Union St. Gilloise, da Bélgica, pelo placar de 3 a 2 no agregado. A primeira partida já acontece na próxima semana. Antes, no sábado (13), os Camponeses visitam o Go Ahead Eagles, pela segunda rodada do Campeonato Holandês.

Início promissor

Iniciando sua segunda temporada pelo PSV, André Ramalho já é um dos símbolos e principais jogadores da equipe. Não só por sua qualidade defensiva como também por seu poder de liderança dentro e fora das quatro linhas e a boa presença no ataque. Até aqui, o defensor disputou 41 jogos pelo clube, marcou três gols, deu três assistências e conquistou três títulos, todos sobre o arquirrival Ajax, sendo duas Supercopa e uma Copa da Holanda.

Vale lembrar que antes de vestir a camisa do PSV, André Ramalho também brilhou muito e não se cansou de ser campeão pelo Red Bull Salzburg. Ao todo, foram 11, sendo seis da Bundesliga (2013/14, 2014/15, 2017/18, 2018/19, 2019/20 e 2020/21) e mais cinco da Copa da Áustria (2013/14, 2014/15, 2018/19, 2019/20, 2020/21). No geral, disputou 240 jogos oficiais, número que o coloca como o 19º jogador que mais vezes vestiu a camisa dos Touros. Entre todos os estrangeiros, o zagueiro, que marcou 20 gols e deu 12 assistências, só fica atrás do suíço Christian Schwegle (246), levando em consideração somente a nova era do clube.

Fut Content

Conteúdo jornalístico na palma da sua mão. Confira os destaques do futebol e veja o que os jogadores, técnicos e jornalistas têm a dizer sobre o dia a dia do maior esporte do planeta.
Ler todas as publicações de Fut Content
0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments